______________________

DESENVOLVIMENTO LOCAL DE BASE COMUNITÁRIA

2014-2020

 

AVISOS DE CONCURSOS

|A DECORRER| 

  


Data de início: 01-06-2017 

Data de encerramento: 21-12-2017

Fase 1 - Até 08-09-2017 - 18 horas

Fase 2 - Até 21-12-2017 - 18 horas 

 

|BREVEMENTE| 


• PEQUENOS INVESTIMENTOS NA TRANSFORMAÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO DE PRODUTOS AGRÍCOLAS;


• DIVERSIFICAÇÃO DE ATIVIDADES NA EXPLORAÇÃO AGRÍCOLA;


• CADEIAS CURTAS E MERCADOS LOCAIS;


• PROMOÇÃO DE PRODUTOS DE QUALIDADE LOCAIS.


 


DESENVOLVIMENTO LOCAL DE BASE COMUNITÁRIA

2014-2020

ESTRATÉGIA LOCAL DE DESENVOLVIMENTO E LINHAS DE APOIO

 

A estratégia local de desenvolvimento assenta numa lógica de valorização e promoção do potencial de desenvolvimento endógeno (sectores hortofrutícola e agro-alimentar, floresta e seus múltiplos, turismo e sectores social e cultural).

 

Objectivos estratégicos:

 

Dinamizar a economia local;
Melhorar a qualidade de vida da população rural do território.

Para os alcançar, a ADERES aposta numa política de desenvolvimento integrado que vise:

 

O crescimento de iniciativas empresariais arrastadoras do desenvolvimento do território;
A implementação de medidas de política e/ou outros instrumentos financeiros complementares que impulsionem o de desenvolvimento rural de incidência regional e local, isto tanto no que toca aos incentivos à criação de empresas e emprego como nas respostas aos problemas sociais;
A articulação com programas ou projectos implementados e/ou em implementação no território;
Participação em redes de cooperação já estabelecidas e em constituição nas zonas envolventes;
A articulação com recursos existentes nos centros urbanos e entre zonas rurais circundantes.


 

ESTRATÉGIA LOCAL DE DESENVOLVIMENTO
Descrição Sumária (Download)



LINHAS DE APOIO

 

3.1. Diversificação da Economia e Criação de Emprego

 

Os principais objectivos desta medida são:

 

  • Promover a diversificação da economia para actividades não agrícolas e aumentar o emprego nas zonas rurais, de acordo com uma estratégia definida para territórios locais alvo de abordagem LEADER.

 

Para atingir este objectivo estabeleceu-se uma intervenção específica nestas zonas, que contribua para a diversificação e desenvolvimento de actividades económicas criadoras de riqueza e de emprego permitindo fixar população e aproveitar recursos endógenos transformando-os em factores de competitividade.

 

Esta intervenção terá em atenção a existência de outros instrumentos de política com incidência no mesmo território e far-se-á de acordo com uma estratégia de desenvolvimento local (PDL), elaborada pelos agentes locais organizados em parceria (GAL).

 

A medida Diversificação da Economia e Criação de Emprego será concretizada através de três acções:

 

 


 

3.2. Melhoria da Qualidade de Vida

 

Os principais objectivos desta medida são:

 

  • Promover a recuperação e conservação do património rural no âmbito de uma estratégia de valorização e atractividade dos territórios rurais;
  • Aumentar a acessibilidade da população dos territórios rurais a serviços essenciais à comunidade em função das necessidades identificadas no diagnóstico do Plano de Desenvolvimento Local.

 

Para atingir este objectivo estabeleceu-se uma intervenção específica nestas zonas, que valorize o espaço de vivência da comunidade, a qualidade de vida dos cidadãos e crie simultaneamente melhores condições de acolhimento para quem vem do exterior.

 

A medida Melhoria da Qualidade de Vida é operacionalizada através das seguintes acções: